Avanço na qualidade de prestação de serviços da Jucemg é mais uma vez reconhecido pelos cidadãos

Publicado em: 30 de Março de 2021, há 2 semanas.

Agilidade e rapidez são destacados como procedimentos fundamentais no momento de crise da pandemia

Desde o começo de 2019, a Junta Comercial do Estado de Minas Gerais tem atuado no sentido de qualificar e simplificar os serviços prestados aos cidadãos. Em março do ano passado, o regime de teletrabalho, que já vinha sendo analisado pela atual gestão, foi antecipado e implantado devido à pandemia do coronavírus tornando mais eficiente e ágil a prestação dos serviços. Um dos setores que mais foram impactados por este novo sistema foi o de atendimento aos cidadãos, em especial os empresários, contadores e advogados. O atendimento, que já era prestado pela internet, teve a equipe aumentada para atender a demanda crescente.

Com redução de custos e investimentos em tecnologia, a Jucemg conseguiu, nos últimos dois anos, agilizar, simplificar e qualificar os seus serviços, mantendo a segurança dos processos, e até reduzindo custos para o setor empresarial, como aconteceu, por exemplo, com o fim do preço público pago para extinção/baixa de empresas.  

Avanços tecnológicos, implantação de canais de atendimento de forma virtual, somados ao empenho dos servidores em agilizar e bem atender os usuários têm provocado inúmeras manifestações de reconhecimento por parte dos cidadãos.  Nesta semana, por meio do canal “Fale com o Presidente”, Lucas de Freitas entrou em contato com a autarquia e enviou a seguinte mensagem: “Quero agradecer pela agilidade e rapidez na liberação dos atos constitutivos/alterações/baixas, dentre outros serviços. Principalmente nesse momento de pandemia onde todos nós estamos enfrentando dificuldades no dia a dia. Portanto, agradeço pelo ótimo serviço da Junta.”

A manifestação do cidadão Lucas de Freitas vem se somar a outras que a Jucemg tem recebido e que reconhecem a qualidade dos serviços prestados. As medidas adotadas pela autarquia estão em conformidade com o Decreto Estadual nº 47.441/2018 cujas diretrizes propostas, dentre outras, visam à simplificação de procedimentos internos na prestação de serviços públicos, à aplicação de soluções tecnológicas para desburocratizar o serviço, a gestão integrada de dados e informações oficiais, dos canais de atendimento ao usuário, bem como a utilização de linguagem simples e compreensível.

Publicado em: 30 de Março de 2021, há 2 semanas.