Jucemg integra Programa Nacional de Prevenção à Corrupção

Publicado em: 8 de Outubro de 2021, há 1 semana.

Objetivo do PNPC é promover a integridade e a boa gestão pública

Iniciativa inédita da Estratégia Nacional de Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro (ENCCLA) foi concluída, no mês passado, a primeira etapa do Programa Nacional de Prevenção à Corrupção (PNPC), que tem como objetivo promover a integridade e a boa gestão pública. A Junta Comercial do Estado de Minas Gerais é uma das entidades que faz parte do PNPC e do Acordo de Cooperação Técnica celebrado entre diversos órgãos públicos e entidades mineiras, entre eles, o Tribunal de Contas do Estado, a Controladoria Geral e o Ministério Público Estadual.

A Ação Integrada da Rede de Controle e Combate à Corrupção (ARCOO/MG) é responsável pela articulação de ações de fiscalização, combate à corrupção, controle social e interação das redes, nos âmbitos estadual e federal.  Minas Gerais foi o Estado que obteve o maior número de participantes, com 1.038 adesões ao PNPC.

Essa primeira etapa do PNPC, finalizada no mês de setembro, possibilitou às organizações públicas participantes a geração de um relatório de diagnóstico de suscetibilidade à corrupção por meio do preenchimento voluntário de autoavaliação via plataforma e-Prevenção. Esse diagnóstico servirá de base para a elaboração da próxima etapa do programa, que consistirá na construção de um plano de ação contendo as práticas adequadas às necessidades de cada instituição para a melhoria contínua dos mecanismos de prevenção à corrupção.

Também serão ofertadas, por meio da plataforma digital, orientações e modelos para a implantação de controles adequados para cada realidade regional e municipal, utilizando as melhores práticas em integridade pública e gestão de riscos. Além disso, com a adesão, todas as organizações estão aptas a utilizar a marca de participante do PNPC, como forma de mostrar à sociedade e aos órgãos de controle o engajamento e compromisso de colocar em prática ações preventivas a fraudes e corrupção. 

 

 

Publicado em: 8 de Outubro de 2021, há 1 semana.